Obrigado pela sua inscrição!

Seja muito bem vind@ ao Teatro de Holograma!

Agora você tem acesso gratuito as nossas palestras dedicadas à Filosofia Sistêmica, Práticas Energéticas & Saúde Vibracional.

As palestras são ministrados em tempo real. Fique de olho nas datas e horários.

Há reprises, também em tempo real. Marque na sua agenda!

Um e-mail de confirmação e boas vindas será enviado a sua caixa postal.

Esse será o nosso canal de comunicação. Fique atento a sua caixa postal.

Lá, você receberá todos os links de acesso a todos as palestras promovidas pelo canal.

Caso haja dúvidas, ou perguntas sobre nossas atividades, você me encontra nas redes sociais ou pelo formulário de contato disponível AQUI nesse website.

Eu quero ter um canal de comunicação direto com você, sem intermediários, sem equipe de marketing.

Eu & Você – Você & Eu

Por isso, não hesite em entrar em contato para elucidar qualquer dúvida que paira sobre alguma aula, curso, ou mesmo as atividades propostas no Teatro de Holograma!

Enquanto nosso e-mail de boas vindas não chega… Fique a vontade e conheça mais sobre as nossos podcasts. Neles, você encontra mais assuntos aprofundados, mais reflexões e dicas práticas para o seu dia-à-dia.

Nossos podcasts säo uma excelente fonte para os estudos de Filosofia Sistêmica, Práticas Energéticas & Saúde Vibracional.

Lembre-se; além de conteúdo, produzimos conhecimento!

OS ARTIGOS MAIS RECENTES

O coreto

O maestro se recompôs, pediu silêncio. Todos a postos. Ele ergueu a batuta e contou até quatro. No primeiro acorde ouviu-se um grunhido estridente. A banda de imediato esmoreceu. O maestro retomou a contagem, e novamente, ao soar as primeiras notas da banda, surgiu novamente um ruído ensurdecedor, como giz riscando o quadro negro.

Um conto de Natal

Cada ano que passa fica mais difícil, chaminé já não existe mais e quando tem são estreitas para meu físico avantajado. E já foi o tempo em que eu ficava pulando de telhado em telhado, haja preparo físico! Até meus ajudantes já não são mais os mesmos, perdi um bocado deles com a globalização, muitos me trocaram por ofertas gratificantes de multinacionais de brinquedos e aqueles que ficaram comigo vivem fazendo greves e se queixando aos sindicatos.

Carregando…

Ocorreu um erro. Atualize a página e/ou tente novamente.